Contradança

 

CONTRADANÇA

 

A contradança foi um género de músical que durante os séculos XVI e XVIII difundiuse por toda europa destronando  as antiguas formas de dançar, nomeadamente o minuete. A sua popularidade foi tanta que começaram a surgir grupos ensaiados chamados “Contradanças” que animavam os bailes das aldeias.

Tomando como referência esse espíritu de baile naceu o grupo “Contradança” que desde seus comezos e  em colaboração com o grupo “Monteira” de danças do mundo animou por bairros e aldeias todo tipo de festas populares.

Fruto de esta andaina foi o trabalho discográfico “A dança do lume” de Servando e Contradança onde apareciam, além das cantigas e romances de Servando este tipo de repertório pensado basicamente para dançar e que o público participe dos seus espectáculos mediante guias e pequenas explicações dos movementos de cada dança de um jeito simplificado e singelo para que um maior número de gente se anime.

Continuando nesta linha gravarom o seguinte CD: “Som voltas”, onde como no anterior os temas mais intimistas se combinam com os mais alegres e festivos. A maior novidade talvez seja a incorporaçom de um texto narrado de Castelao com música do próprio Servando além de um maior número de temas compostos por este último.

Nos espetáculos ao vivo propõem umha viagem musical por todo este tipo de danças europeias, desde as moinhêiras galegas até os an drôs bretões, passando por malhões portugueses, sardanas catalanas, tarantellas italianas ou rondeaux occitanos, sem esquecer das já internacionais valsas, polcas, scotichs e mazurcas.

O grupo está actualmente composto por:

Servando Barreiro………………Voz, acodeom, concertina e guitarra.

Gonzalo Caride………………….Flautas, requinta, violino e gaita de foles.

Maica álvarez…………………….Zanfona, percussom e vozes.

 

Podeis olhar um exemplo do seu trabalho na seguinte ligação:

Resumo concerto de Servando e contradança no bar “batalhão”(Vigo)